sábado, 12 de março de 2011

Polícia de parelhas-RN realiza uma grande operação nessa sexta e prende acusado de homicídio.


Paulo Ricardo (Acusado de homicídio e foragido da justiça)
Giló ( 1ª vítima fatal)
                                                                   Neném ( 2ª vítima)


No primeiro dia de trabalho, o novo comandante da Policia Militar da cidade de Parelhas, Tenente Micael, realizou uma grande operação, batizada de Vila Áurea, que contou com mais de trinta Policiais, entre civis e Militares, com intuito de prender, Paulo Ricardo de Azevedo Souza, foragido da justiça e acusado de homicídio, além de armas e drogas.
Paulo foi preso na operação Buqueirão em 2009, e condenado e três anos e seis meses de prisão. No início desse ano ganhou o direito de cumprir a pena em regime semi-aberto, mas se envolveu em brigas e voltou para o regime fechado. No dia 22 de fevereiro resolveu fugir e três dias depois um homicídio foi cometido na cidade. O ex-presidiário conhecido como Jiló foi vítima de vários disparos de arma de fogo, vindo a falecer dias depois. Paulo é o principal acusado desse crime.
No último dia 08, outra pessoa foi vítima de Paulo. Adeilsom do Nascimento (Neném),foi vítima de um disparo de arma de fogo que deixou a bala alojada no couro cabeludo. Neném disse que o acusado foi quem efetuou os disparos.
O acusado nega ter cometido os dois crimes e disse que não teria nada contra as vítimas. Acrescentou que não tem coragem de fazer essas coisas com ninguém.
Paulo Ricardo será transferido para o presídio do Seridó, em Caicó ou o presídio de Alcaçuz.

Por Sd PM J. Júnior
Fonte: tvserido.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário